Siga nossas redes sociais

Principal

Bolsonaro foi o mais improvável dos homens que Deus levantou na presidência, diz ministro

Published

on

O ministro-chefe da Casa Civil recapitulou o trabalho do governo para compor os ministérios, sem negociar cargos com partidos com representantes no Congresso, e afirmou que a determinação do presidente em “criar uma lógica” mostra que ele foi “levantado por Deus” para cuidar do país.

“O governo Bolsonaro vai trabalhar pelo exemplo”, afirmou Lorenzoni durante uma entrevista. O ministro acrescentou que há um compromisso firme com a transparência, já que a equipe de Bolsonaro tem em mente o “recado das urnas” em relação às velhas práticas da política.

“Eu digo sempre que Deus levantou o mais improvável dos homens para ser presidente do Brasil e a sociedade deu apoio a ele porque viu nele a condição de mudar o que não quer mais no país”, avaliou Lorenzoni na entrevista à Rádio Gaúcha.

Lorenzoni foi amplamente questionado pelos jornalistas da emissora do Rio Grande do Sul sobre a distribuição de cargos em escalões menores, em troca de apoio na votação de projetos prioritários, e o ministro enfatizou que Bolsonaro quer o fim do “toma lá, dá cá”: “Ao longo dos anos esses lugares eram dados e usados para operações que eram desvio de dinheiro público. E isso não vai ter no governo Bolsonaro. Estamos criando um novo mecanismo que não existe, uma nova lógica de relacionamento”, pontuou.

*Com informações de Rádio Gaúcha.

Continue Reading
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *