Siga nossas redes sociais

Principal

Trump discursa em marcha contra o aborto: Toda vida faz sentido

Published

on

Compartilhe

Apesar de a prática do aborto ser legalizada nos Estados Unidos desde 1974, um ano após a sentença do caso conhecido como Roy vs. Wade, que originou o pedido de liberação através dos grupos abortistas na época, atualmente o país vem experimentando uma crescente onda no sentido contrário ao assassinato de bebês no útero materno.

Uma evidência contundente a esse respeito foi a eleição do atual presidente, Donald Trump, assim como suas constantes manifestações pró-vida, contra o aborto, ecoando o desejo de milhares de norte-americanos em revogar a decisão de 1974.

Na conhecida “Marcha pela Vida” ocorrida na última sexta-feira (18) na capital dos EUA, Washington, Trump discursou através de um telão, reforçando o valor da vida humana durante a gestação e atribuindo essa natureza à criação de Deus.

“Quando olhamos para os olhos de uma criança recém-nascida, vemos a beleza, a alma humana e a grande da criação de Deus. Sabemos que toda vida faz sentido”, disse Donald Trump, seguido do seu vice-presidente, Mike Pence e sua espoa, Karen, ambos pró-vida.

Pence destacou o momento histórico pelo qual atravessa o país, mostrando aos ouvintes que a luta contra o aborto na atual gestão tem como seu maior objetivo “restaurar o direito a vida nos EUA”.

Diferente de outros, o destaque na postura de Donald Trump está na sua posição irredutível quanto ao tema do aborto, algo também reconhecido pelo seu vice. “O presidente Trump é o presidente mais pró-vida da história do país. A vida está vencendo de novo nos EUA”, frisou Pence.

Finalmente, a Marcha pela Vida esse ano foi parar na frente da Suprema Corte Americana. Seu objetivo foi pressionar os juízes para que revejam a decisão de 1974, algo que pode se tornar uma realidade, tendo em vista a nomeação feita por Trump de magistrados conservadores.

*Com informações de Whashington Post.

Continue Reading
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *