Siga nossas redes sociais

Principal

Diferenças de vida na Coreia do Norte e na Coreia do Sul

Published

on

Foto: Reprodução (Portas Abertas)

Cristã perseguida que viveu nas duas Coreias conta seu testemunho

Por Cris Beloni

Hannah é o pseudônimo de uma cristã norte-coreana que já foi perseguida por causa da sua fé. A Coreia do Norte é o país mais fechado do mundo e também o mais perigoso para um cristão viver. Ao comparar a parte norte de sua nação com a parte sul, ela conta que fica admirada com as diferenças.

Agora que vive na Coreia do Sul ela diz: “Eu me preocupo de ser capturada ou deportada de volta à Coreia do Norte”. Hannah tem um passaporte sul-coreano que a permite viajar livremente para qualquer país, então ela aproveita dessa liberdade para contar seu testemunho e renovar a fé das pessoas por onde ela passa.

A primeira vez que ouviu o hino nacional sul-coreano, ficou espantada com a frase: “Que Deus mantenha nosso país unido e preserve nossa terra”. Sua alegria agora é saber que pode adorar a Deus livremente e ter uma vida espiritual que não seja secreta.

Por outro lado, também comemora porque não vê as pessoas morrendo de fome pelas ruas. “Ninguém se preocupa com o que comer ou onde dormir. As ruas são limpas, os sul-coreanos são alegres e têm liberdade de expressão”, disse.

“Descobri que há cruzes de igrejas em todo lugar que vou na Coreia do Sul, esse é um país que confia e ama a Deus”, continuou. Uma das partes mais emocionantes de seu testemunho é quando ela compartilha sobre “como o Senhor abriu as portas da prisão e as algemas de forma milagrosa” para que ela e a família se tornassem finalmente livres.

O marido de Hannah já morreu, mas ela vive com as três filhas e todas frequentam uma igreja. Somente um filho continua na Coreia do Norte e ainda não é cristão. O pedido de oração de Hannah é que esse seu filho, que ela não vê há anos, seja resgatado para que possa compartilhar o Evangelho com ele. A Portas Abertas pede para que todos intercedam por essa família e pelos cristãos perseguidos que vivem na Coreia do Norte.

Continue Reading
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *