Siga nossas redes sociais

Missões

Evangelismo

Published

on

Plataforma de TV via satélite se empenha para levar o Evangelho em países hostis ao cristianismo

“Vidas têm sido resgatadas através desse ministério”, garante o diretor. “Imagine o Oriente Médio e o Norte da África abertos para a luz do amor de Deus, com sua Palavra irradiando cores brilhantes”. Esse é o desejo de quem trabalha há mais de 20 anos comunicando sobre o cristianismo para as pessoas que vivem nessas duas regiões do mundo, que são fechadas para o Evangelho de Cristo.
Apesar da cultura rica e diversa, certos países orientais e africanos apresentam grandes turbulências, guerras e conflitos. A opressão faz com que as pessoas busquem por alguma esperança e mudança em suas vidas.
Reinaldo Santos, diretor executivo da Sat-7 no Brasil, uma plataforma de TV via satélite, disse que o cristianismo pode levar paz, segurança, consolo, perdão, além de uma abordagem para a vida não materialista.

Abrindo caminho para o Evangelho

Desde 1996, a rede cristã de televisão vem desempenhando esse trabalho e abrindo o caminho para que o Evangelho possa atingir seu verdadeiro objetivo. A Sat-7 possui várias equipes que produzem uma programação variada para as famílias africanas e orientais. O ministério possui cinco canais (Sat-7 Arabic, Pars, Kids e Turk), todos com ideais similares.
Além de espalhar o amor de Deus aos telespectadores, também oferece suporte às igrejas locais com sua programação, visando educar, encorajar as comunidades e combater ideias erradas sobre a fé cristã. O trabalho é interdenominacional e busca entendimento com pessoas não cristãs, contribuindo para o bem da sociedade.

Colhendo frutos

Os serviços televisivos contam com a participação de pastores, líderes, professores e comunicadores que se empenham em inspirar e informar. A parceria com ministérios e igrejas de todo o mundo facilita no conteúdo de cada programação, que é exibida via satélite no Oriente Médio, Norte da África e pela internet para as demais regiões do mundo.
Os resultados são vistos discretamente, já que há lugares onde sequer existem igrejas. “A Sat-7 acaba sendo a própria igreja para alguns. As pessoas ligam para tirar dúvidas e pedir orações pelo call center”, conta o diretor. “Esses dias a gente recebeu o telefonema de uma menina de 13 anos. Ela disse que acompanhava a nossa programação e pediu uma Bíblia”, continuou. A Bíblia foi enviada e algumas semanas depois veio o resultado.
“Ela nos disse ter entendido que para ser uma cristã de verdade, deveria ser batizada. Como não há nenhuma igreja onde ela vive, então ela nos contou que mergulhou dentro de uma banheira ‘em nome de Jesus’ e batizou a si mesma. Com alegria ela compartilhou sua experiência. Esse é o coração desse povo, sedento por Cristo”, ressaltou.

Sobre a programação

A Sat-7 disponibiliza variados filmes, entrevistas e histórias reais dramatizadas, além de ensinos bíblicos, documentários e cultos para encorajar os crentes. Testemunhos e relatos de esperança já fazem parte da vida de milhões de famílias que são impactadas e convidadas a conhecer a Cristo.

As crianças também podem contar com canais infantis e desenhos cristãos, músicas e programações alegres para a formação do caráter. Milhões de refugiados do mundo árabe já foram alcançados.

Sem censura

A condição para a realização desses trabalhos é bem tranquila, na maioria das vezes, e por se tratar de transmissão via satélite, não há censura por parte dos governos. Por isso, aproveitando essa oportunidade única, os canais estão disponíveis 24 horas por dia, todos os dias.
A igreja brasileira pode fazer parte dessa missão. “Para levar o Evangelho àquele povo tão sofrido, que não pode declarar sua fé em Cristo, basta orar por eles e por esse ministério. Abrace o nosso projeto com carinho”, pediu.
Para saber mais sobre o ministério Sat-7, entre no site https://www.sat7brasil.org/ ou nas redes sociais. Se quiser colaborar para o crescimento desse trabalho, entre em contato pelo telefone (11) 3130-7153 para fazer sua doação.