Siga nossas redes sociais

Destaques

Casos de coronavírus devem se agravar em três municípios

Published

on

Estudo aponta que, na próxima semana, Suzano, Mogi e Itaquá vão enfrentar momentos críticos da pandemia

Dados da plataforma Corona Cidades, desenvolvida por um grupo de organizações sem fins lucrativos das áreas de Saúde e Gestão Pública, apontam que três municípios do Alto Tietê – Mogi das Cruzes, Itaquaquecetuba e Suzano – estão na lista dos 24 municípios paulistas que devem ter a situação piorada em relação à pandemia de coronavírus (Covid-19) na próxima semana.Por meio da análise do mapa de calor disponibilizado pela plataforma é possível saber as cidades com maior possibilidade no número de mortes no Estado. A capital, São Paulo encabeça a lista, seguida de Osasco, Guarulhos. Mogi aparece na décima colocação, Itaquá em 11º e Suzano em 12º.Os dados da ferramenta, apontam ainda que, com o isolamento social, a capacidade máxima dos ventiladores pulmonares será atingida em Mogi das Cruzes em mais 90 dias. Entretanto, segundo o levantamento que utiliza dados oficiais do Brasil.io e DataSUS, a lotação dos leitos destinados ao tratamento da doença deve acontecer nos próximos dias. A situação é diferente em Suzano e Itaquá, onde, de acordo com a plataforma, todos os respiradores disponíveis devem estar em uso nos próximos dias.A metodologia usada na análise inclui uma comparação da média de novas mortes confirmadas a cada cinco dias nos municípios paulistas incluídos no estudo. A visualização gerada está ordenada pelo ranking de qual Estado tem mais mortes, que aparecem embarras vermelhas à direita de um gráfico de cores.A Prefeitura de Mogi reiterou as orientações pelo isolamento social e os cuidados pessoais e afirmou que as saídas devem ser estritamente em casos essenciais.A Secretaria de Saúde de Suzano informou que trabalha ininterruptamente para atender aos casos de coronavírus no município, e que conta com a colaboração da comunidade para a adoção das medidas de isolamento social para reduzir a curva de contágio para as próximas semanas.A ferramenta estima que se os hospitais de campanha não tivessem sido criados na capital, o sistema entraria em colapso na última segunda-feira. Hospitais no Alto Tietê, seis cidades (Mogi, Itaquaquecetuba, Suzano, Ferraz de Vasconcelos, Poá e Arujá) anunciaram a construção de hospitais de campanha. Mogi das Cruzes, aguarda a utilização de 70% dos leitos de enfermagem da Covid-19 do Hospital Municipal, e continua com a unidade sem receber pacientes. Suzano e Poá já começaram a receber pacientes em suas unidades. Em Ferraz, a inauguração do hospital está marcada para ocorrer amanhã, já Arujá procura um local para a construção. Itaquá esperar inaugurar o espaço até o fim do mês. A plataforma é enfática ao afirmar que os cenários projetados são meramente indicativos e dependem de variáveis que não podem ser consideradas.

Continue Reading
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *