Siga nossas redes sociais

Destaques

Vacina da Moderna contra a Covid-19 não ficará pronta antes de novembro

Published

on

EFE/EPA/DAN HIMBRECHTS/Archivo A vacina da moderna não ficara pronta em outubro

A declaração de Stéphane Bancel frustra a expectativa de Donald Trump, que garantiu a vacina contra o novo coronavírus até o final de outubro

A empresa americana de biotecnologia Moderna anunciou que não conseguirá concluir os testes clínicos de sua vacina contra a Covid-19 até o final deste mês. Em entrevista ao jornal britânico “Financial Times”, nesta sexta-feira, 2, o CEO Stéphane Bancel afirmou que “Teremos dados suficientes sobre a segurança (da vacina) em 25 de novembro para podermos solicitar uma aprovação emergencial da Agência Federal de Medicamentos, desde que os dados de segurança sejam positivos”, declarou o representante.

Desta forma, a Moderna acaba frustrando os planos do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, candidato à reeleição e que garantiu disponibilizar uma vacina aos norte-americanos antes da eleição, marcada para o dia 3 de novembro de 2020.  “Acelerei o processo com a Agência Federal do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos EUA (FDA, na sigla em inglês). Teremos uma vacina em questão de semanas, pode ser quatro semanas, pode ser oito semanas. Temos muitas empresas excelentes”, disse o republicano na metade de setembro. Trump, inclusive, testou positivo para o novo coronavírus nesta sexta-feira, algo que impacta em sua campanha, já que o mandatário minimizou  a pandemia desde o seu começo e chegou a ridicularizar Joe Biden, seu rival, pelo uso excessivo de máscaras de proteção.

A vacina da Moderna, assim como a da Pfizer e Johnson & Johnson, está na última fase dos testes clínicos, na qual a vacina experimental ou um placebo são injetados aleatoriamente em dezenas de milhares de voluntários para verificar se ela é segura e eficaz.  Ao mesmo tempo, os testes da vacina AstraZeneca/Oxford continuam suspensos no país.

Fonte: JOVEM PAN

Continue Reading
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *