Siga nossas redes sociais

Destaques

Líder da igreja doméstica na China é preso

Published

on

Cristãos reunidos em igreja doméstica na China Crédito: Portas Abertas

Membros da igreja dizem que a prisão de seu pastor provavelmente é uma retaliação por resistir à ordem de frequentar igreja aprovada pelo Estado

Na última semana, a polícia invadiu a residência do pastor Li Chunzhe na capital de Yunnan, Kunming, levando-o junto com alguns membros que participavam de um culto na igreja doméstica que funciona na casa do pasto. Após interrogatórios, os membros foram libertados, mas o pastor Chunzhe foi acusado de perturbar a ordem pública e permaneceu sob custódia por três dias até sua libertação. Ele também foi multado. A punição por tal crime é de 5 a 15 dias de detenção e uma multa de 200 a 1000 yuans chineses (US $ 30 a 150), dependendo das circunstâncias.

“Funcionários do departamento religioso do distrito disseram que é ilegal os cristãos se envolverem em eventos religiosos em um local que o governo não aprovou”, disse um cristão local. A igreja doméstica já existe há cerca de 10 anos e não tem causado problemas para a comunidade.

Eles disseram que acreditam que a prisão é o resultado igreja “rejeitar repetidamente os pedidos da polícia e funcionários do Bureau de Assuntos Étnicos e Religiosos” para frequentar a Igreja dos Três Autos aprovada pelo estado.

“Percebemos que as autoridades deram maior controle à polícia religiosa em parceria com agências governamentais administrativas locais para gerenciar melhor os grupos religiosos ilegais”, disse um contato local da Portas Abertas.“O pastor Li é um pastor relativamente conhecido e conhecido na área por conduzir atividades religiosas, como reuniões de adoração e treinamento bíblico”, disse o contato. “Esta pode ser a principal razão pela qual ele foi alvo das autoridades.”

Pensamento Xi

Em outro lugar, os alunos de 37 universidades da China serão obrigados a fazer cursos de “Pensamento Xi”. O curso obrigatório, “Introdução ao pensamento de Xi Jinping sobre o socialismo com características chinesas para uma nova era”, é outro sinal de que o ‘pensamento Xi’ está ganhando mais destaque.

O material do curso foi introduzido na órbita do Partido Comunista Chinês em 2018 e desde então foi incluído na Constituição do Partido do país. O Partido Comunista Chinês agora vê o momento propício para ensinar esse pensamento a um público mais amplo, ou seja, aos alunos de 37 das mais prestigiadas universidades da China. É daí que vem a próxima geração de líderes chineses. 
Crédito: Portas Abertas

Continue Reading
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *