Siga nossas redes sociais

Destaques

Levantamento realizado pelo Hospital do Servidor Estadual revela aumento da ansiedade entre idosos durante pandemia

Published

on

Imagem: Freepik

Programa de Assistência ao Idoso (PAI) do HSPE monitorou 180 idosos durante seis meses

Programa de Atenção ao Idoso (PAI) do Hospital do Servidor Público Estadual de São Paulo (HSPE) realizou um levantamento que constatou aumento de 15,38% dos níveis de ansiedade de idosos nos últimos seis meses. De maio a outubro, foram monitorados, por telefone, 180 idosos que participam do PAI do HSPE.

O número de relatos positivos de ansiedade passou de seis para 33 no período. O cálculo da porcentagem, entretanto, segue uma lógica diferenciada. Em vez da conta matemática direta, os especialistas utilizam uma fórmula que mescla a proporção das respostas positivas de maio e outubro e a diferença de aumento entre os números obtidos nestes períodos.

A maioria das pessoas que participaram da pesquisa possui, na média, 76 anos. Todas receberam ligações telefônicas de profissionais do HSPE e foram questionadas sobre o seu estado emocional no período de isolamento social.

Numa análise segmentada, a comparação dos dados entre maio e outubro de 2020 apontou alta significante nas questões relacionadas a humor deprimido, como tristeza ou perda de interesse por atividades. O aumento de 10 para 23 relatos positivos de humor deprimido indicou aumento de 7,14%. Já os relatos de insônia intermediária, que é quando se acorda no meio da noite, subiram de seis para 15, um aumento de 4,95%, seguindo os cálculos diferenciados dos especialistas.

A referência para definir os níveis de ansiedade manifestados pelos idosos foram 21 questões da Escala de Classificação de Hamilton de avaliação de depressão (HAM-D 21), que aborda humor, insônia, atividades e ansiedade.

O resultado do levantamento mostra como o período pandêmico afeta a saúde mental dos idosos e isso preocupa os especialistas que afirmam que a solidão e o isolamento na velhice podem desencadear transtornos emocionais e distúrbios psicológicos.

Para a psiquiatra do HSPE Dra Heloísa Batistucci, além do isolamento social, que reforça uma quebra de vínculo do idoso com suas atividades externas, outros fatores também contribuem no aumento da tristeza e da ansiedade. A morte de alguém da família, a dependência destes idosos em razão de alguma doença e a perda da independência, são motivos que abrem portas para que os idosos se sintam mais inseguros, ansiosos, mal-humorados ou até mesmo depressivos.

“Observamos que, comparado ao primeiro contato realizado em maio, o aumento foi estatisticamente significante para humor deprimido, insônia intermediária e ansiedade. Isso enfatiza a importância do constante estímulo físico e psíquico dos participantes, bem como do convívio social, contribuindo para a manutenção da saúde como um todo”, afirma o médico e especialista em Medicina Preventiva e Social Dr. Milton Morales Filho responsável pela avaliação e estudo realizado pelo Programa PAI.

Para a diretora do PAI, Dra Gilka Barbosa Lima Nery, sempre é necessário reforçar diferentes abordagens para manter os idosos ativos, como ações preventivas, atividade física, artesanato, yoga, oficinas de memória, teatro e canto. “O PAI, acompanhando os idosos e realizando atividades a distância, tem cumprido seu papel de agregar e dar suporte aos idosos nessa pandemia. A sensação de pertencer a uma comunidade e saber que há alguém que se preocupa com eles e dá amparo, é muito importante para a preservação da saúde dos idosos, pois a solidão pode levar à depressão”, declarou a médica Gilka Nery.

Com o atendimento presencial temporariamente suspenso por conta da pandemia, os idososs que antes participavam presencialmente das atividades do PAI passaram a receber pelos celulares programações de videoaulas de educação física, inglês e foram convidados a participar de outras atividades, como Concurso de Poesia.

O HSPE é referência pública em atendimento de saúde para a população idosa. Ao monitorar a rotina dos idosos e obter em tempo real os efeitos positivos das atividades oferecidas, o PAI contribuiu para a melhoria da qualidade de vida e equilíbrio da saúde mental do idoso.

Sobre o Programa de Atendimento ao Idoso (PAI)

O Programa de Atendimento ao Idoso “Mário Covas” (PAI) foi inaugurado em junho de 2002 com o objetivo de estimular o envelhecimento ativo e saudável dos servidores estaduais aposentados. Atualmente, o PAI atende 185 idosos, com média de idade de 70 anos. O programa oferece atividades como: musculação, alongamento, dança, canto, teatro, oficina de smartphone, informática, artesanato.

Sobre o Iamspe
O Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual de São Paulo (Iamspe) é o sistema de saúde do servidor público estadual. Com uma rede de assistência própria e credenciada presente em mais de 100 municípios, o Iamspe oferece atendimento a 1,3 milhão de pessoas, entre funcionários públicos estaduais e seus dependentes.

São mais de duas mil opções de atendimento no Estado, incluindo hospitais, clínicas de fisioterapia, médicos e laboratórios de análises clínicas e de imagem, além de postos de atendimentos próprios no interior, os Ceamas, e o Hospital do Servidor Público Estadual, na Capital. O Iamspe é um órgão do Governo do Estado de São Paulo, vinculado à Secretaria de Projetos, Orçamento e Gestão.

Mais informações para a imprensa:
A4&Holofote Comunicação

Continue Reading
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *