Siga nossas redes sociais

Destaques

Fiéis fazem homenagens durante ‘velório virtual’ de pastor que morreu de Covid dois meses após perder a filha

Published

on

Igreja faz 'velório virtual' para se despedir de pastor da Assembleia de Deus, que morreu de Covid — Foto: Reprodução/Youtube

João Feitosa era pastor da Assembleia de Deus de Gurupi, sul do Tocantins. Cerca de 1,5 mil pessoas acompanharam simultaneamente o velório pela internet; corpo foi enterrado no fim da tarde deste sábado (10).

João Feitosa, como era conhecido, faleceu na madrugada desta sexta-feira (9), após mais de 100 dias internado em um hospital particular de Brasília.

Depois de ser diagnosticado com o novo coronavírus, Feitosa foi levado a um hospital particular de Gurupi, no dia 11 de março. No dia 22 do mesmo mês, foi transferido para a unidade de Brasília, em uma UTI aérea.

A filha dele Ângela Márcia, de 42 anos, também foi transferida no dia 22 de março para o mesmo hospital. Ela não resistiu e morreu em abril, dois meses antes do pai.

O velório foi realizado no templo da igreja. Durante o culto fúnebre, familiares, autoridades e fiéis cantaram, fizeram homenagens e orações. Também participaram da cerimônia, a prefeita de Gurupi, Josi Nunes, e o bispo Samuel Ferreira, presidente executivo da Convenção Nacional das Assembleias de Deus no Brasil.

Pastor João Feitosa morreu após mais de 100 dias internado em hospital de Brasília — Foto: Divulgação

Pastor João Feitosa morreu após mais de 100 dias internado em hospital de Brasília — Foto: Divulgaçãohttps://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

A igreja fez a transmissão para que fiéis de todo o estado pudessem acompanhar a cerimônia. Além disso, organizou o espaço, colocando grades para evitar aglomerações.

O pastor deixa esposa, a pastora Maria Rosa de Sousa Gomes, três filhas e uma neta. “Minha palavra é de agradecimento, agradeço a essa igreja que muito nos amou durante 21 anos que o meu marido esteve à frente do trabalho e nesse momento de problema que passamos, a igreja uniu muito mais em oração”, disse Maria, durante o velório.

O enterro foi realizado para o fim da tarde deste sábado, em um cemitério da cidade.

História

Consagrado a pastor em 21 de janeiro de 1984, João Feitosa é advogado e bacharel em Teologia. Presidiu a Igreja Assembleia de Deus – Madureira em Belém (PA) de 15 de janeiro de 1993 a janeiro de 1995.

Depois, liderou a Igreja Assembleia de Deus Campo de Barra do Garças (MT) de 22 de dezembro de 1994 a 31 de dezembro de 1999. Em 02 de janeiro de 2000, assumiu como presidente das Igrejas Assembleias de Deus, Ministério de Madureira de Gurupi.

Na cidade tocantinense, ele liderava 54 congregações e cerca de 10 mil fiéis.

Em nota, a OAB Tocantins lamentou a morte de Feitosa. “[Ele] militou na comarca de Gurupi e entregou sua vida a levar a palavra de Deus e a fazer o bem a todos que estavam a sua volta”, disse.

A secretária Estadual da Educação Adriana Aguiar também enviou nota de pesar. Ela destacou que no âmbito da educação, o líder “deixa um grande legado ao presidir o Instituto Educacional Evangélico Ebenézer, importante instituição de ensino que atendeu e atende a milhares de estudantes em Gurupi”.

Fonte : G1 Tocantins