Siga nossas redes sociais

Entretenimento

Após receber novas críticas, Leandro Castan posta passagem bíblica no Twitter: ‘Pouco me importa ser julgado por vocês’

Published

on

Defensor negou ser homofóbico, após dizer que foi obrigado a utilizar camisa em homenagem a causa LGBTQIA+

Rio – Após ser criticado por ter declarado que foi obrigado a utilizar a camisa do Vasco com as cores do arco-íris, em apoio à causa LGBTQIA+, o zagueiro Leandro Castan fez uma postagem nas redes sociais. Sem citar claramente o assunto, o defensor citou uma passagem bíblica exposta no livro de 1 Coríntios.”Pouco me importa ser julgado por vocês ou por qualquer tribunal humano; de fato, nem eu julgo a mim mesmo. Embora em nada minha consciência me acuse, nem por isso justifico a mim mesmo; o Senhor é quem me julga”, diz a passagem postada por Leandro Castan.

Na passagem descrita por Castan, o autor se defende de algumas críticas que recebia de alguns membros de uma igreja local, no primeiro século, que contestavam o seu chamado apostólico. Em entrevista ao canal “Cancelados”, do YouTube, o jogador do Vasco negou ser homofóbico.
“Quem me conhece sabe da minha índole e da minha fé. Ser cristão é pregar o amor a todos. Para expressar meu amor eu não tenho que concordar com tudo. Tem coisas que eu não concordo, mas respeito. Sempre coloquei isso na minha vida, é aquilo que está na bíblia e eu creio. Deus abomina o pecado, mas ama o pecador. É simples, as pessoas estão querendo fazer uma coisa que não existe, me chamando de homofóbico…”, disse.

Fonte:https://odia.ig.com.br/