Siga nossas redes sociais

Artigos

Mudança é vida

Published

on

Compartilhe

Todo mundo sabe que mudança é inevitável. É de conhecimento geral também que elas acontecem independente de nossos gostos e vontades! Diariamente, o cenário mundial se transforma, a tecnologia avança, novos produtos são lançados no mercado e assim por diante. Nem os nossos corpos fogem das mudanças. É um processo natural que envolve aspectos que fogem ao nosso controle ou até mesmo vontade.

Apesar de tantas mudanças no mundo acontecerem sem nossa ‘permissão’, outras fundamentais só vão se materializar se nos envolvermos no processo. A renovação da nossa mente e a transformação do nosso comportamento exigem um envolvimento da nossa vontade. Sem esse engajamento não é possível chegar ao resultado tão desejado. A grande questão é que nem sempre nossa vontade tem ‘vontade’ de enfrentar os incômodos do processo.  

Lembro de Naamã, um respeitado e honrado comandante do exército sírio que viu todo seu prestígio correr grande risco quando soube que estava leproso! Justo lepra! A doença que não apenas deformava a pessoa, mas principalmente a transformava em intocável! Ao saber de seu estado, a serva de sua esposa, uma escrava israelita, disse à sua senhora que Naamã deveria procurar Eliseu – um profeta do Senhor. Ela estava certa de que esse seria o caminho para cura. Com a permissão do rei, Naamã partiu em busca do homem de Deus. Entretanto, para sua surpresa ao chegar na porta da casa de Eliseu, não foi recebido pelo profeta e sim pelo seu assistente que lhe trazia um recado: “Senhor Naamã, vá e se lave sete vezes no rio Jordão e o senhor ficará curado”. Naamã ficou furioso com o que lhe parecia um “insulto”; então resolveu ir embora. Mas, os servos de Naamã argumentaram com ele, dizendo: “Senhor, se o profeta tivesse pedido para o senhor fazer coisas mais difíceis o senhor teria atendido, então, porque não dar uma chance à instrução de Eliseu?” Naamã ponderou e resolveu fazer o que o profeta lhe disse. E, ao final dos sete mergulhos no rio Jordão, Naamã ficou completamente curado!

O processo de transformação de Naamã é muito parecido com os nossos. Ele desejava mudança. Não queria permanecer leproso. E por isso foi buscar ajuda. Mas ao perceber que o caminho para alcançar seu objetivo era mais árduo e humilhante do que imaginava, sua vontade se desengajou. Felizmente, seus servos o encorajaram a não desistir, porque iria valer a pena. E valeu! Sua transformação foi muito além da cura física! Ao ver que estava são, Naamã declarou: “Agora sei que não há Deus em nenhum outro lugar, senão em Israel!”  

Que nossas vontades sempre estejam engajadas em nossos processos de transformação!

No amor do Senhor,

Susie Pek – Coordenadora do Mulheres de Esperança RTM Brasil, América Latina & Caribe

Continue Reading
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *