Siga nossas redes sociais

Destaques

Governo chinês limita presença de fiéis em funeral de bispo

Published

on

Compartilhe

BEIJING, 21 out. 21 / 08:59 am (ACI).- O governo da China impediu centenas de fiéis de comparecer ao funeral do bispo Stephen Yang Xiangtai, bispo emérito de Handan, que morreu aos 99 anos, em 13 de outubro, informou a AsiaNews, agência de notícias católica da Ásia.

O regime limitou a assistência a apenas 800 pessoas, oficialmente para evitar infecções por Covid-19, mas imagens compartilhadas pela AsiaNews mostram que a participação foi massiva.

O funeral ocorreu na semana passada na Igreja Nossa Senhora de Lourdes em Caozhuang, distrito de Yongnian.

Segundo AsiaNews, o bispo Yang “não era um bispo ‘clandestino’, mas em várias ocasiões ele desafiou a linha ‘patriótica’ das autoridades religiosas ligadas ao Partido Comunista Chinês”. Bispo clandestino é a designação para os bispos nomeados pelo papa sem autorização do governo comunista chinês.

Em 2015, Yang “apoiou os corajosos protestos do clero de Wenzhou contra a demolição de cruzes na província de Zhejiang”, disse AsiaNews.

Segundo a agência, publicações nas redes sociais que informavam sobre a hospitalização e posterior morte do bispo emérito de Handan foram censuradas.

O atual bispo de Handan, dom José Sun Jigen, disse durante o funeral que dom Yang foi um “pastor amável e gentil, próximo aos nossos corações”, que “escreveu um novo capítulo de serviço ao seu rebanho com o seu coração e com a sua alma “

AsiaNews afirma que “a perda de dom Yang é dolorosa não só para a Igreja na China, mas também para o Pontifício Instituto para as Missões Estrangeiras (PIME), porque ele cresceu, se formou e trabalhou junto com os sacerdotes do PIME de Kaifeng e de Weihui (agora Anyang) em Henan”.

Dom Yang nasceu em 3 de janeiro de 1923 na cidade de Gaocun, em uma família católica. Em 1940 começou a estudar Filosofia e Teologia no Seminário Regional de Kaifeng e em 27 de agosto de 1949 foi ordenado sacerdote.

Em 17 de setembro de 1999, tornou-se bispo da diocese de Handan. Ele morreu em 13 de outubro de 2021.

Após a sua morte, a diocese de Handan afirmou: “O bispo Yang demonstrou uma forte lealdade ao Senhor; foi amável com todos, simples em sua vida e teve uma dedicação constante ao seu rebanho, e isso durante 72 anos. Agora que concluiu a sua caminhada, convidamos o clero, as irmãs e os fiéis a rezarem para que a sua alma descanse em paz e a intercederem para a sua rápida entrada no descanso eterno”.

Fonte:https://www.acidigital.com/