Siga nossas redes sociais

Família

Disque 100 aceita denúncias de violações de direitos humanos ‘por ideologia de gênero’

Published

on

Compartilhe

Denúncias sobre crianças e adolescentes que estejam sendo expostas a ‘ideologia de gênero’ podem ser feitas através do telefone 100.

O Disque 100 é o canal de denúncias de violações dos direitos humanos comandando pelo Ministério Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), que desde abril permite este tipo de denúncia.

Comandado pela ministra Damares Alves, a pasta incluiu a classificação de ‘ideologia de gênero’ no Manual de Taxonomia de Direitos Humanos da Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos, lançado em abril deste ano.

O documento traz informações sobre vários tipos de violações de direitos humanos, que são dividas em classes, subclasses e espécies. O atendimento é classificado de acordo com esses termos.

No Manual, encontramos uma lista de motivações que levam à violações de direitos humanos com razões como idade, etnia, orientação sexual e ideologia de gênero.

Recentemente uma escola em Resende, no Rio de Janeiro, foi denunciada por promover “comunismo e ideologia de gênero”. O diretor da Escola municipal Getúlio Vargas, Paulo Henrique Nogueira, foi chamado a depor após o Disque 100 receber uma denúncia anônima.

Por: Leiliane Lopes