Siga nossas redes sociais

Destaques

Ataque terrorista em Israel deixa quatro mortos e dois feridos

Published

on

As quatro vítimas de um ataque terrorista em Beersheba em 22 de março de 2022: Laura Yitzhak, no canto superior esquerdo; Rabino Moshe Kravitzky, no canto superior direito; Doris Yahbas, no canto inferior esquerdo; Menahem Yehezkel, no canto inferior direito. (Redes sociais, cortesia)
Compartilhe

Nesta terça-feira (22), um árabe israelense, filiado ao jihadismo, atacou pessoas em um shopping center Beersheva, no sul de Israel, deixando quatro mortos e dois feridos.

Testemunhas do ataque relataram nas páginas digitais da imprensa hebraica que o agressor esfaqueou uma mulher em um posto de gasolina localizado próximo a um shopping center e depois apreendeu um veículo. Ao longo do caminho, ele atropelou um ciclista antes de parar no complexo comercial para esfaquear outras pessoas .

As vítimas são três mulheres e um homem, com idades entre 35 e 60 anos. O agressor foi identificado como Mohamed Alab Ahmed, morador do vilarejo de Hura (localizado a 15 quilômetros de Beersheva), foi morto a tiros por um motorista de ônibus armado pouco antes da chegada das forças de segurança.

Segundo informações do El País, o responsável pelo ataque foi condenado e preso em 2015 por ter se declarado publicamente apoiador do Estado Islâmico nas aulas de um instituto onde trabalhou como professor.

Este foi o terceiro ataque registrado desde sábado passado , quando um jovem palestino esfaqueou um israelense que praticava esportes em uma rua de Jerusalém localizada na divisa entre os setores ocidental, ou judeu, e oriental, ou árabe. No domingo, um policial ficou levemente ferido em um ataque com faca em Jerusalém Oriental. A cadeia de facadas, que evoca a registrada na Intifada das Facas (2015-2016), ocorre às vésperas do início do Ramadã, que este ano coincide com abril, mês da Páscoa.

Redação Exibir Gospel