Siga nossas redes sociais

Destaques

Regularização fundiária avança em Itaquaquecetuba e beneficia 426 famílias

Published

on

Compartilhe

O último sábado (26) foi de emoção em Itaquaquecetuba com os 426 moradores que, agora, possuem o título de propriedade do seu imóvel pelo Programa Estadual de Regularização Fundiária Urbana Cidade Legal. A entrega foi feita para os núcleos Jardim Ivana e Rua do Sol A. 

“Imagina a luta de quem aguarda há anos pela escritura definitiva para que ninguém mais tire o seu imóvel. E hoje, junto ao Governo do Estado e ao Cidade Legal, estamos conseguindo entregar para 426 famílias o documento da casa própria. Queremos regularizar a cidade toda para que todo pai e mãe de família tenha seu documento em mãos”, declarou o prefeito Eduardo Boigues durante a cerimônia.

Moradora do Jardim Ivana há 27 anos, Shirlei de Lima foi a primeira a receber a escritura pelas mãos do prefeito e do secretário executivo da Habitação do Estado de São Paulo, Fernando Marangoni. “Estou muito feliz e agradeço esse feito não só para mim, mas para todo esse povo”, disse, emocionada. 

A secretária municipal de Habitação, Angela Quirino, expôs a importância do momento e o comprometimento da gestão. “A cidade sofreu nos últimos 20 anos porque não tinha nenhum entusiasta para trabalhar com a regularização fundiária. Hoje é uma vitória nossa realizar esse sonho com vocês.”

Em maio do ano passado, 37 escrituras foram entregues para o núcleo da Rua do Sol B e a previsão é de que, em abril, mais 1,2 mil moradores de outros núcleos também recebam a matrícula. 

“É uma Itaquá antes e outra depois do Eduardo. Ele se comprometeu e está realizando. Também quero cumprimentar as equipes das secretarias municipal e estadual de Habitação e da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo). Eles são heróis invisíveis e não estaríamos aqui comemorando se não fossem eles”, finalizou o secretário executivo.
Também estiveram presentes no evento, que aconteceu na Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, o deputado estadual Jorge do Carmo, o superintendente da CDHU, Manoel Cavalcante, representantes do Programa Cidade Legal, secretários e vereadores do município.

Continue Reading
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.