Siga nossas redes sociais

Destaques

Funcionária da Havan hostilizada por militante petista recebe visita de Luciano Hang

Published

on

Compartilhe

O empresário Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan, esteve em Jundiaí (SP), para conhecer pessoalmente uma funcionária da loja que foi hostilizada no transporte público por uma militante do Partido dos Trabalhadores.

Stefany Morais, 19 anos, conseguiu filmar uma mulher fazendo insultos e a agredindo fisicamente dentro de um ônibus por ela estar com o uniforme da empresa.

“Você deve ir lá, se matar em pleno feriado, eu estou livre leve e solta, graças ao meu bom Deus e à minha mentalidade, que não é tapada igual à sua”, diz a mulher nas imagens.

Identificada como Adriana Menezes, a agressora é ex-candidata a vereadora pelo PT de Jundiaí, se apresenta como funcionária pública, mas recebe benefícios sociais voltados para pessoas de baixa renda, segundo informações de Hang.

Na visita à funcionária, o empresário prestou solidariedade e gravou um vídeo para destacar que os funcionários da Havan são bem remunerados e trabalham com a alegria de vestir a camisa verde que foi hostilizada pela petista.

“Fiz questão de vir para cá, vocês duas foram corajosas. Não podemos deixar que pessoas maldosas utilizem do seu poder, uma política, para calar as pessoas. Quem usa essa camisa não pode ter medo de usá-la, vivemos em um país livre”, diz Hang em vídeo.

Redação Exibir Gospel