Siga nossas redes sociais
18/05/2024

Destaques

Homem é preso nos EUA por pregar próximo a Parada Gay da Pensilvânia

Published

on

Compartilhe

Nesta terça-feira (6), um homem foi preso por pregar próximo a Parada Gay da cidade de Reading, na Pensilvânia (Estados Unidos). A acusação é de homofobia.

Segundo o site SportKeeda, o religioso chamado Damon Atkins foi acusado de tentar provocar os manifestantes LGBTQ+ que participavam do evento. Como? Lendo versículos da Bíblia.

A prisão de Damon Atkins provocou indignação entre os cristãos conservadores, que afirmam que o incidente é um sinal de que as autoridades estão minando a liberdade de expressão.

O próprio Atkins disse que a prisão foi uma indicação de que os cristãos estão sendo oprimidos na América.

O chefe da polícia de Reading, Richard Tornielli, disse que Atkins estava atrapalhando o evento e desacatou a ordem para ficar calado.

“Nossos oficiais o avisaram para parar com esse comportamento, pois estava atrapalhando o evento que estava ocorrendo”, disse Tornielli.

Atkins disse à imprensa local que é um pregador de rua e que não estava na porta da prefeitura para atacar os homossexuais.

Na quarta-feira, o Ministério Público do Condado de Berks disse que, após analisar os vídeos do incidente, as acusações de conduta desordeira contra Atkins foram retiradas.

“Após a revisão do vídeo do incidente, incluindo as câmeras usadas no corpo, e uma revisão da jurisprudência, não acreditamos que poderíamos provar um caso criminal de conduta desordeira”, disse o Ministério Público do Condado de Berks em um comunicado.

Assista: