Siga nossas redes sociais
18/05/2024

Destaques

Pastor de Goiânia causa revolta ao afirmar que crianças vítimas de abuso têm culpa

Published

on

Compartilhe

O pastor Jonas Felício Pimentel, líder da igreja evangélica Tabernáculo da Fé de Goiânia, gerou indignação nas redes sociais ao afirmar durante um culto que, em alguns casos, crianças que são vítimas de abuso sexual têm participação e culpa nos crimes. A declaração ocorreu enquanto o pastor comentava sobre o caso de uma criança de 5 anos que foi abusada sexualmente por primos.

“Existem situações que quando acontece um abuso de uma criança, a criança é também culpada, porque ela deu lugar. Crianças também têm culpa, têm participação, mas não todos os casos. Eu quero deixar isso bem claro”, afirmou o pastor durante o culto.

Após a repercussão negativa da fala, o religioso gravou um vídeo lendo uma nota tentando esclarecer seus comentários. Jonas afirmou que é responsabilidade dos pais terem seus filhos ao alcance dos olhos e recomendou que é preciso evitar que filhos pernoitem em casa de parentes ou amigos, como forma de prevenir crimes.

“Foi nesse contexto de alerta para que pais e crianças não deem oportunidades para malfeitores, que foi extraído o recorte do vídeo. Para aquelas pessoas que se sentiram ofendidas, pedimos as nossas sinceras desculpas”, disse Jonas na nota.

A declaração do pastor gerou reações negativas e debates sobre a responsabilidade das vítimas em casos de abuso, sendo criticada por muitos internautas e organizações que atuam na proteção de crianças e adolescentes.

Exibir Gospel