Siga nossas redes sociais
13/06/2024

Família

Pastor é preso por violência doméstica no interior da Bahia

Published

on

Compartilhe

Um pastor de 43 anos foi preso, nesta quarta-feira (17), na cidade de Itabuna, interior da Bahia, acusado de agredir duas ex-companheiras.

O religioso foi preso após uma ação conjunta das Delegacias Especial de Atendimento à Mulher (Deam) de Brotas e Periperi, ambas em Salvador, onde as denúncias foram registradas.

Como o pastor é locutor de uma rádio em Itabuna, a prisão aconteceu no local, respondendo a uma decisão assinada pela 4ª Vara de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, da comarca de Salvador.

As ex-companheiras do pastor, que não teve o nome revelado, o acusam de ameaça, calúnia, difamação, injúria e violência psicológica.

Desde 2021 a violência psicológica contra mulher passou a ser crime. Com isso, qualquer ameaça, constrangimento, humilhação, manipulação, isolamento, chantagem, ridicularização, limitação do direito de ir e vir ou qualquer outro método pode ser denunciado e o acusado pode ser julgado e a pena é de reclusão de seis meses a dois anos, além de multa.

Exibir Gospel / Leiliane Lopes